Alugar um self storage é a solução ideal para várias situações, desde armazenar presentes de casamento até fazer estoque de produtos comerciais. E o melhor de tudo: com uma infraestrutura adequada para o armazenamento dos objetos.

Não por acaso, o serviço vem ganhando cada vez mais popularidade no Brasil. No entanto, também podem ocorrer erros na hora de alugar um self storage, mas há formas de evitá-los.

Por isso, a contratação de um box de armazenamento devem ser feita com cuidado, afinal existem detalhes que comprometem a qualidade do serviço. Conheça cinco erros comuns na hora de alugar um self storage.

Índice

1. Desconhecer a capacidade do espaço

2. Levar em conta apenas o preço

3. Não ler o contrato antes de assinar

4. Não verificar se existe seguro de bens

5. Contratar uma empresa sem conhecer seu espaço físico

1. Desconhecer a capacidade do espaço

Um dos aspectos mais importantes na contratação do self storage é o tamanho do box. Afinal, cada cliente tem um objetivo específico, o que impacta diretamente a sua necessidade de espaço.

Então, antes de contratar verifique presencialmente se o tamanho do espaço atende suas necessidades. Isso evita problemas como excesso de objetos e danos aos produtos.

Leia também sobre como evitar estoque parado e vender mais.

2. Levar em conta apenas o preço

Levar em conta apenas o preço

Preços baixos são tentadores em qualquer negócio. Mas para que o barato não saia caro, a escolha do self storage não deve levar em conta somente esse quesito.

Afinal, o armazenamento de objetos pessoais requer segurança e nem sempre um serviço prestado a valores abaixo do mercado vai conseguir disponibilizar. É importante ter segurança 24h com monitoramento por câmeras, portas de aço reforçado e rígido sistema de acesso aos boxes.

Nesse caso, vale a pena pesquisar preços de diferentes empresas e avaliar o custo-benefício dos serviços oferecidos.

3. Não ler o contrato antes de assinar

Não ler o contrato antes de assinar

O contrato existe não só para atestar o profissionalismo da empresa, mas principalmente para esclarecer todas as condições envolvidas no serviço oferecido.

Por isso, a leitura atenta do documento antes da assinatura evita futuros desentendimentos e desconhecimento das regras estabelecidas.

No aluguel sem burocracia de self storage, existem certas condições que você precisa conhecer para desfrutar de todos os benefícios do serviço, como, por exemplo, o horário de acesso aos seus objetos e o tempo mínimo de contratação.

4. Não verificar se existe seguro de bens

Quem aluga um espaço para armazenar seus objetos, sejam eles pessoais ou empresariais, certamente deseja que eles estejam não apenas seguros, mas também assegurados. Sendo assim, o quesito segurança não pode ser ignorado na hora de alugar um self storage.

Uma empresa séria e profissional oferece seguro de bens com proteção extra para os locatários graças ao seguro individual já incluso no pacote.

5. Contratar uma empresa sem conhecer seu espaço físico

Contratar uma empresa sem conhecer seu espaço físico

A internet facilita muito a procura por um self storage, porém é preciso ter cuidado no momento de escolher o serviço. O melhor é averiguar se as fotos correspondem à realidade das instalações físicas.

A melhor forma de você de saber o self storage é um espaço seguro, limpo, individual e protegido é visitando o local.

Para não errar na hora de alugar um self storage, acesse o nosso site e faça um orçamento simplificado de aluguel de self storage.