Para quem busca mais otimização e praticidade na rotina acaba incomodando-se com o excesso de coisas que ocupam espaço em casa. O pior é quando não se sabe onde guardar esse objetos espalhados pelos cômodos, visto que já não existe local disponível.

Para ambientes corporativos ou residências, isso pode tomar a proporção de pesadelo. Isso porque a organização fica comprometida no ambiente e isso atrapalha as rotinas, assim como o rendimento das atividades laborais e caseiras.

Veja neste artigo por onde começar e o que fazer para lidar com isso. Separamos cinco dicas para lidar com coisas que ocupam espaço em casa.

Índice

1. Não precisa se livrar de tudo, apenas reduza a quantidade de objetivos

2. Organize seus objetos por setores

3. Não empilhe seus itens

4. Alugue um box de self storage para armazenar suas coisas

5. Divida suas gavetas em pequenas caixas

6. Superfícies livres de objetos já melhoram a organização do espaço

1. Não precisa se livrar de tudo, apenas reduza a quantidade de objetivos

Primeiro, um dos muitos erros de quem possui diversos objetos é tentar livrar-se de todos de uma vez só, ou acabar achando que nenhum deles precisa ir embora.

Por esse motivo, a primeira dica para tentar reduzir a quantidade de objetos é analisá-los um por um, então separe um tempo para isso. Você deve refletir se eles realmente ainda têm ou terão alguma funcionalidade para você ou para outras pessoas do seu meio.

De forma prática, caso você acabe tirando apenas um ou dois itens, o exercício é muito válido. Isso porque agora você terá a noção de que cada coisa tende a ocupar a sua casa. Em consequência disso, a arrumação tende a ser muito mais simples.

2. Organize seus objetos por setores

Organize seus objetos por setores

Como assim? Vamos explicar!

Se você é do tipo de pessoa que possui diversos livros, junte todos aqueles que estão espalhados pela casa e tente setorizar cada item.

Isso é para evitar arrumar por ambiente, pois é bem comum que existam mais livros em outros lugares.

Sendo assim, o mesmo valerá para roupas e papéis. Ao unir todos os objetivos que aparentemente são semelhantes, podemos ter uma noção ainda melhor que precisamos deixar conosco, dentre aqueles que estão apenas ocupando bastante espaço.

Leia também: Saiba como guardar o acervo da família e quais cuidados ter.

3. Não empilhe seus itens

Não empilhar itens

 

Empilhar objetos e roupas é um hábito comum, afinal é o movimento mais rápido para “guardar” algo. No entanto, as chances de acabar em desordem são grandes.

O melhor é buscar formas de organizar que deixem os itens visíveis e acessíveis, como colocar roupas em forma de rolinhos nas gavetas, por exemplo.

Assim, você consegue ter uma visão rápida do que se encontra em cada lugar. Aproveite para usar caixas de organização, pois economizam espaço já que deixam os objetos mais compactados.

4. Alugue um box de self storage para armazenar suas coisas

No processo de verificação dos objetos e de encontrar espaços para guardá-los você, provavelmente, vai perceber que alguns deles têm pouco uso, embora ainda precisem ser guardados por algum motivo.

Isso porque cada pessoa tem uma visão particular sobre o que é importante guardar e o que pode ser doado, ou descartado.

O self storage é um serviço de armazenamento que consiste no aluguel de boxes onde é possível armazenar uma variedade incrível de objetos, de mobília à objetos de coleção, ou material de pesca.

Trata-se de uma solução inteligente para o problema cada vez mais comum de falta de espaço, sejam nas residências ou em ambientes de trabalho.

Leia também: Confira 3 dicas de organização para colecionadores.

5. Divida suas gavetas em pequenas caixas

Divisão das gavetas

Sabemos que organizar suas gavetas através de caixas acaba sendo uma excelente dica para quem possui objetos bem pequenos, a fim de serem guardados.

Além disso, a técnica também pode ser utilizada como um tipo de padrão de organização, isto é, um novo hábito.

Dessa forma, fica ainda mais fácil retirar aquilo que você precisa, depois colocar de volta onde estava.

Superfícies livres de objetos já melhoram a organização do espaço

Para deixar um ambiente mais livre e organizado, alguns hábitos fazem diferença. Nesse sentido, uma boa iniciativa é liberar superfícies e criar nichos específicos para objetos, sejam pequenos ou grandes.

Atos rotineiros tem o poder de evitar que tudo se torne rapidamente uma bagunça.

Pronto, você já tem uma ideia melhor sobre soluções para lidar com coisas que ocupam espaço no ambiente. Quer conhecer melhor o serviço de self storage? Comece fazendo um orçamento simplificado em nosso site.